Nota de Repúdio do Conselho Municipal de Assistência Social de São Paulo - COMAS SP - FÓRUM DA ASSISTÊNCIA SOCIAL

FÓRUM DA ASSISTÊNCIA SOCIAL

FÓRUM DA ASSISTÊNCIA SOCIAL -FAS Espaço de debate, proposituras e controle social da Política Pública de Assistência Social da Cidade de São Paulo

domingo, 12 de julho de 2015

Nota de Repúdio do Conselho Municipal de Assistência Social de São Paulo - COMAS SP

Conselho Municipal de Assistência Social de São Paulo - COMAS SP

NOTA PÚBLICA DE REPÚDIO A DELIBERAÇÃO CONSEAS/013/2015 DO CONSELHO ESTADUAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DE SÃO PAULO - CONSEAS/SP
Posted: 08 Jul 2015 12:24 PM PDT
O CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL – COMAS, no uso das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Federal nº 8.742, de 07 de dezembro de 1993, aLei Municipal nº 12.524, de 1 de dezembro de 1997 e regulamentado pelo Decreto nº 38.877, de 21 de dezembro de 1999, MANIFESTA: Descontentamento e repúdio a distribuição de vagas do Conselho Estadual de Assistência Social de São Paulo – CONSEAS/SP, com a cessão de 10 vagas para participação do município de São Paulo na X Conferência Estadual de Assistência Social, conforme regulamentação publicada na Deliberação CONSEAS/013/2015, desconsiderando que a Capital é o Município de maior população do Estado de São Paulo e do Brasil com 11,9 milhões de habitantes (IBGE, 2014).
A Cidade de São Paulo realizará 31 Conferências Regionais com aproximadamente 9000 (nove mil) participantes, sendo que a XI Conferência Municipal de Assistência Social de São Paulo agregará as representações Regionais com o número estimado de 1500 Delegados Municipais. Na IX Conferência Estadual de Assistência Social de São Paulo a Capital teve 112 vagas, para a Conferência de 2015 foram deliberadas 10 vagas, o que representa redução de 91,1 %.
Em levantamento percentual em relação às vagas da Capital as vagas deliberadas para os Delegados Natos do CONSEAS/SP (48) são 380% maiores que as vagas da Capital; as vagas dos Diretores de DRADS (26) são 160% maiores que as vagas da Capital; as vagas dos Representantes do CMAS/CONSEAS - Grupo de Apoio (17) são 70% maiores que as vagas da Capital; as vagas dos Convidados da SEDS (16) são 60% maiores que as vagas da Capital.
Estamos realizando a avaliação do SUAS e seus desafios para as diretrizes do Plano Decenal do SUAS, entendemos que para a definição dos critérios de distribuição de vagas é imperativo considerar, não apenas densidade demográfica, mas a abrangência e complexidade na gestão dos Serviços, Programas, Projetos e Benefícios em uma Rede Socioassistencial Estatal e conveniada, que compreende 1336 Serviços e possui uma capacidade de 219.973 atendimentos mês, conforme dados do Atlas da Rede Socioassistencial de São Paulo. Igualmente importante é considerar a contribuição das Entidades, Trabalhadores do SUAS e Usuários nos avanços e nas superações dos desafios.
A presente manifestação pública justifica a indignação frente ao número de vagas deliberado pelo CONSEAS para a Capital e as demais metrópoles, e a decorrente desmobilização e exclusão que esse ato causa ao avanço do SUAS, ao Controle Social e à Participação.
Conselho Municipal de Assistência Social de São Paulo - COMAS/SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado pelo seu comentario