Crianças que invadiram hotel saem de abrigos.

Três fugiram e duas pediram para sair, segundo a Secretaria de Assistência Social
Da Agência Record

As cinco crianças levadas para abrigos depois de tentarem fazer um arrastão em um hotel no Paraíso, na segunda-feira (22), já voltaram às ruas. Três delas fugiram e duas pediram para sair, segundo a Secretaria Municipal de Assistência Social. Todas já estavam livres no início da noite de terça-feira (23). Duas delas, maiores de 12 anos, permanecem apreendidas na Fundação Casa.

A secretaria informou ainda que todas as crianças foram levadas para abrigos diferentes. Elas não ficaram junto nem mesmo com as meninas da outra gangue da Vila Mariana. O órgão continua procurando as famílias dessas crianças, que negaram ter parentes.

O grupo invadiu o hotel na zona sul de São Paulo e tentou levar celulares e notebooks de algumas pessoas que estavam no saguão. Nesse momento, seguranças do estabelecimento travaram as portas, impedindo a fuga das crianças.

Confira também     * Grupo queria superar gangue das meninas     * Crianças são levadas para abrigos

    * Imagens mostram crianças invadinado hotel

No Conselho Tutelar da Vila Mariana, ao saber que seriam separados, o grupo depredou o interior da unidade, na rua Botucatu, 959. Segundo a conselheira, as crianças disseram que teriam ido à região para "superar" a gangue de meninas infratoras, presa várias vezes nas últimas semanas. O grupo não costumava agir na região, onde as meninas fizeram diversos arrastões até serem apreendidas e encaminhadas a abrigos no último dia 11.

R7 - publicado em 24/08/2011 às 09h59:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

URGENTE! PUBLICADO A SENTENÇA ARBITRAL DO DISSÍDIO COLETIVO DA CATEGORIA!

Legislação Participativa debate direito à assistência social e financiamento do setor

PREFEITO ANUNCIA PRORROGAÇÃO DA ANUALIDADE E OUTRAS MEDIDAS EM REUNIÃO COM O FAS