CGM está com ordem da Prefeitura de São Paulo para confiscar Carroças de catadores em situação de rua

Se for confirmada a informação a denúncia é gravíssima. Os munícipes de São Paulo precisam se posicionar a respeito, afinal de contas, não estamos falando da atitude de monarcas. São Pauo e o Brasil vivem sob regime democrático onde os administradores devem satisfação de seus atos. 

 

Companheiros(as)
Recebemos uma ligação DENUNCIANDO  que a CGM está com ordem da Prefeitura de São Paulo para confiscar Carroças de catadores em situação de rua. Já são vários casos de violação de direitos. 
A queixa veio dos próprios funcionários da Prefeitura que trabalham atendendo população de rua e presenciam a violação de direitos humanos. A ordem é denominada Procedimento Padrão.

Favor ajudar a circular essa denúncia.

-- 
Secretaria Estadual MNCR - SP
Movimento Nacional dos Catadores - MNCR
Tel.: (11) 3341-0964
www.mncr.org.br

 

Comentários

  1. Ana Catarina21/7/11

    Nossa, que absurdo!!! É inacreditável o que a Prefeitura de São Paulo vem fazendo com a população em situação de rua! Agora querem retirar o instrumento de trabalho do catador de material reciclável?
    Será que a Prefeitura não sabe que o trabalho dos catadores é um dos modos de preservação ambiental e prevenção de enchentes?
    Cadê os direitos humanos para vir em defesa dessas pessoas?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Muito obrigado pelo seu comentario

Postagens mais visitadas deste blog

PREFEITO ANUNCIA PRORROGAÇÃO DA ANUALIDADE E OUTRAS MEDIDAS EM REUNIÃO COM O FAS

PUBLICADO PORTARIA 01/SMADS/2020 QUE TRATA DOS REAJUSTES DOS CONVÊNIOS

PREFEITURA ANUNCIA REAJUSTE DOS CONVÊNIOS EM 3,7% RETROATIVO A JANEIRO DE 2020