CGM está com ordem da Prefeitura de São Paulo para confiscar Carroças de catadores em situação de rua

Se for confirmada a informação a denúncia é gravíssima. Os munícipes de São Paulo precisam se posicionar a respeito, afinal de contas, não estamos falando da atitude de monarcas. São Pauo e o Brasil vivem sob regime democrático onde os administradores devem satisfação de seus atos. 

 

Companheiros(as)
Recebemos uma ligação DENUNCIANDO  que a CGM está com ordem da Prefeitura de São Paulo para confiscar Carroças de catadores em situação de rua. Já são vários casos de violação de direitos. 
A queixa veio dos próprios funcionários da Prefeitura que trabalham atendendo população de rua e presenciam a violação de direitos humanos. A ordem é denominada Procedimento Padrão.

Favor ajudar a circular essa denúncia.

-- 
Secretaria Estadual MNCR - SP
Movimento Nacional dos Catadores - MNCR
Tel.: (11) 3341-0964
www.mncr.org.br

 

Comentários

  1. Ana Catarina21/7/11

    Nossa, que absurdo!!! É inacreditável o que a Prefeitura de São Paulo vem fazendo com a população em situação de rua! Agora querem retirar o instrumento de trabalho do catador de material reciclável?
    Será que a Prefeitura não sabe que o trabalho dos catadores é um dos modos de preservação ambiental e prevenção de enchentes?
    Cadê os direitos humanos para vir em defesa dessas pessoas?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Muito obrigado pelo seu comentario

Postagens mais visitadas deste blog

URGENTE! PUBLICADO A SENTENÇA ARBITRAL DO DISSÍDIO COLETIVO DA CATEGORIA!

Legislação Participativa debate direito à assistência social e financiamento do setor

PREFEITO ANUNCIA PRORROGAÇÃO DA ANUALIDADE E OUTRAS MEDIDAS EM REUNIÃO COM O FAS