Na ALESP: Audiência Pública "A precariedade da atenção e prevenção na questão da violência contra a mulher em São Paulo" - FÓRUM DA ASSISTÊNCIA SOCIAL

FÓRUM DA ASSISTÊNCIA SOCIAL

FÓRUM DA ASSISTÊNCIA SOCIAL -FAS Espaço de debate, proposituras e controle social da Política Pública de Assistência Social da Cidade de São Paulo

Messenger

Total de visualizações de página

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Na ALESP: Audiência Pública "A precariedade da atenção e prevenção na questão da violência contra a mulher em São Paulo"

get (2).jpgAudiência Pública "A precariedade da atenção e prevenção na questão
da violência contra a mulher em São Paulo"

Dia 16 de Junho às 14h00
na Sala Teotônio Vilela da Assembléia Legislativa de São Paulo
(Av. Pedro Álvares Cabral, 201 - Ibirapuera/ São Paulo)


         Passados 4 anos da aprovação da Lei Maria da Penha e dois anos da adesão do Estado de São Paulo ao Pacto Nacional pelo Enfrentamento a Violência Contra a Mulher o Estado e a cidade de São Paulo ainda convivem  com elevados índices de violência contra a mulher,  precariedade de atenção as vitimas de  violência  e  ausência de políticas de prevenção a violência.

A Comissão de Educação e Cultura da Assembléia Legislativa em parceria com os movimentos de mulheres realiza:

Audiência Pública que convoca o governo de São Paulo, Legislativo, Secretaria de Políticas para as Mulheres e demais órgãos responsáveis por políticas de atenção e prevenção a violência contra a mulher para responder , propor e se comprometer com a efetivação integral da Lei Maria da Penha e Pacto Nacional pelo Enfrentamento a Violência Contra a Mulher. 

Convocam: Comissão de Educação e Cultura em parceria com a Marcha Mundial das Mulheres, União de Mulheres de São Paulo, Núcleo de Defesa e Convivência da Mulher - “Viviane dos Santos, Núcleo de Defesa e Convivência da Mulher Cidinha Kopcak, Centro Maria-Mariá de Formação e Requalificação Profissional da Mulher, CIM-Centro Informação Mulher, Sempreviva Organização Feminista (SOF), Coletivo Yabá, Coletivo Feminista de Sexualidade e Saúde, Rede Leste de Enfrentamento à Violência, Frente Regional do ABC de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher, Casa Beth Lobo, Promotoras Legais Populares – SP, União dos Movimentos de Moradia - SP.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado pelo seu comentario