Governo cancela pagamento do Bolsa Família para 5 mil em SP

Outros 18 mil correm o mesmo risco em todo o estado. Elas devem procurar assistente social para justificar sua situação. O governo federal cancelou o pagamento do Bolsa Família para mais de 5 mil beneficiários em São Paulo por descumprimento das exigências do programa. Outras 18 mil famílias também correm esse risco no estado. Entretanto, elas ainda podem regularizar a situação e voltar a receber o dinheiro.
Quem perdeu o benefício ou corre o risco de perdê-lo pode voltar a receber, mas precisa procurar um Centro de Referencia da Assistência Social e se justificar, explicando o que aconteceu.
“Essa família tem que procurar o assistente social e justificar o porquê do não cumprimento das exigências. Lá o assistente vai avaliar o caso e encaminhar ao governo federal a solicitação de reversão”, diz Luiz Fernando Francisquini, coordenador de benefícios da Secretaria Municipal de Assistência Social.
As condições exigidas para que a família faça parte do programa é frequência mínima de 85% na escola dos filhos menores de 15 anos, de 75% no caso dos filhos entre 15 e 17 anos, acompanhamento médico das gestantes e carteira de vacinação das crianças em dia.
“Essas famílias são prioridade do programa porque por trás do descumprimento pode ter uma condição mais complicada na família”, afirma Francisquini.

08/04/2011 07h18 - Atualizado em 08/04/2011 08h01

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

URGENTE! PUBLICADO A SENTENÇA ARBITRAL DO DISSÍDIO COLETIVO DA CATEGORIA!

Legislação Participativa debate direito à assistência social e financiamento do setor

PREFEITO ANUNCIA PRORROGAÇÃO DA ANUALIDADE E OUTRAS MEDIDAS EM REUNIÃO COM O FAS